5 Dicas de ortografia para se sair bem na prova

Dominar gramática, interpretação de texto e redação é fundamental para se garantir em qualquer Prova. Por isso, separamos algumas dicas de ortografia para você ir bem.

1. Uso dos porquês: “Por que”, “porque”, ‘porquê” e “por quê”?

• Por que – Inicio de uma pergunta e pergunta indireta.
– Por que você está com sono?

• Porque – Resposta.
– Eu estou com sono porque demorei a dormir essa noite.

• Por quê – Final da frase
– Você está com sono, por quê?

• Porquê – Depois de artigo e tem a função de substantivo.
– Não entendi o porquê do seu sono. (motivo, razão).

2º Diferença entre “Esta” e “Está”

– “Esta” é usada para objetos que estão próximos de quem fala.
– “Está” vem do verbo “estar” na terceira pessoa do singular do presente do indicativo.

3º Diferença entre “Mas” e “Mais”

• MAS: Possui ideia de oposição. Pode ser substituído por “contudo, todavia, entretanto, não obstante, no entanto”.
– Ex: Barbara gosta de correr, mas está com o pé quebrado.

• MAIS: Expressa ideia de intensidade; quantidade.
– Ex: Sou o mais alto da sala.

4º Diferença entre “MAU” e “MAL”

• MAU: É um adjetivo (Regra: é usado como contrário de bom)
– Ex: Peter é um mau amigo.

• MAL: Pode ser:
– Advérbio de modo (Regra: é usado como contrário de bem)
– Substantivo (Regra: é usado com sentido de doença, tristeza, desgraça, tragédia)
– Conjunção temporal (Regra: é usado com o sentido de quando)
Ex:
– Ele escreve muito mal. (adv)
– Seu mal não tem cura. (subst)

5º Uso de “a” ou “há”

• Usa-se “há” quando o verbo “haver” é impessoal, tem sentido de “existir” e é conjugado na terceira pessoa do singular.
– Ex: Há um modo mais fácil de fazer essa massa de bolo.
Existe um modo mais fácil de fazer essa massa de bolo.

• Quando não for possível a conjugação do verbo “haver” nem no sentido de “existir”, nem de “tempo decorrido”, então, emprega-se “a”.
– Ex: Daqui a pouco você poderá ir embora.
Estamos a dez minutos de onde você está.

Leave a Response