Já pensou em fazer uma faculdade de teatro? Saiba como é a grade curricular, o mercado de trabalho e as áreas de atuação de um profissional que escolhe essa área.

Duração do curso de teatro

4 anos (8 semestres).

Grade curricular da faculdade de teatro

O aluno que escolhe fazer uma graduação em teatro, depara-se com uma grade curricular bem variada na área de humanas. Ele vai encontrar muitas matérias relacionadas a história, expressão corporal e vocal. O curso é, obviamente, muito prático. Confira abaixo algumas matérias que se encontra nesta graduação:

– Antropologia
– Teorias do Teatro
– Interpretação
– Improvisação
– Libras
– Técnicas corporais
– História da educação
– Teatro contemporâneo
– Consciência corporal
– Fundamentos da expressão vocal
– Práticas pedagógicas

Qual é o perfil de um profissional formado em teatro?

O profissional que escolhe a área deve ser uma pessoa muito comunicativa, que goste de se expressar e que acompanha e gosta de filmes, séries, novelas ou peças de teatro.

Mercado de trabalho

O mercado para quem se forma em teatro é extremamente amplo nas principais cidades brasileiras. Isso porque o profissional pode atuar em diversas áreas da arte, de acordo com o rumo que seguir. Seja no cinema, na televisão, em séries, peças, propagandas, como diretor, ator, produtor, dublador, educador, etc. Apesar de bastante concorrida, a área tem muito espaço para as mais variadas preferências.

Áreas de atuação

Na maioria das faculdades, quando o aluno entra, é pedido que ele escolha entre bacharelado e licenciatura. Algumas já dão a opção da dupla titulação, que o permite atuar tanto na parte educacional (ensinando as artes cênicas), quanto na parte mais prática (como ator, diretor, produtor, etc), unindo o conhecimento desses dois campos.

Confira abaixo as principais áreas de atuação para quem escolhe a faculdade de teatro:

 

Bacharelado

Ator: interpretar e atuar em peças de teatro, cinema, novelas, séries, filmes e propagandas nos mais diversos âmbitos e para os mais diversos públicos.

Cenógrafo: é a pessoa que monta o cenário, com toda a disposição de objetos e móveis pensadas sob uma lógica.

Dramaturgo: é o profissional responsável por elaborar o roteiro de peças, novelas, filmes, séries, etc.

Diretor: é quem coordena e instrui os atores, os câmeras e todos os profissionais envolvidos nas produções.

Figurinista: estuda e escolhe as roupas adequadas para cada personagem de uma obra.

Produtor: há vários tipos de produtor. Existem os que captam recursos, os que ajudam na captação de objetos para a peça, os que vão atrás da formulação da equipe, os responsáveis pelo cronograma e assim por diante.

 

Licenciatura

Educação/Ensino: é o professor de artes cênicas. Aquele que vai formar novos profissionais para a área ou aprimorar os ensinamentos deles em cursos livres.

Pesquisador: faz pesquisas no meio das artes cênicas para desenvolver novas ideias e levá-las a quem possa aplicá-las na prática.

Crítico: é o especialista na análise de peças teatrais, audiovisuais e afins.

Salário

O salário inicial de um profissional formado em teatro gira entre R$ 1.500,00 e R$ 2.800, dependendo da função e da cidade de atuação. No auge da profissão, os ganhos podem chegar até mais de R$ 20.000.

Se você tem interesse pelo curso de Teatro mas ainda não tem certeza sobre a sua escolha, faça o download do e-book “Como escolher uma profissão”.

Mesmo conhecendo as várias áreas de atuação para um Ator, mas continua com dúvidas sobre qual profissão escolher? Não deixe de fazer um teste vocacional gratuito que pode te ajudar a escolher a carreira mais adequada para o seu perfil!