Se você está pensando em cursar Educação Física e quer entender melhor essa profissão, este guia foi feito para você.

Cada vez mais, a preocupação com a saúde faz parte do nosso cotidiano. Hoje, vemos academias lotadas, jovens praticando atividades físicas desde cedo, idosos mantendo seus corpos em movimento e atletas superando os desafios do esporte. Por trás de tudo isso, existe um profissional de extrema importância para a sociedade: o educador físico.

O perfil do profissional de Educação Física

É importante compreender o educador físico é um profissional da área da saúde. Ele é responsável por garantir que as atividades físicas sejam realizadas de forma funcional e segura, sempre respeitando as limitações do corpo.

Confira abaixo algumas habilidades e aptidões que os melhores profissionais têm em comum.

Responsabilidade
O profissional de Educação Física deve focar suas ações na promoção da saúde e do bem-estar da sociedade, compreendendo que a prática de exercícios físicos vai muito além do fator estético.

Boa Comunicação
Você não precisa ser extremamente comunicativo para ser um profissional de destaque, mas é preciso compreender que a maioria dos educadores físicos está em constante contato com pessoas. Portanto, a boa comunicação é essencial para o desenvolvimento das suas ações.

Proatividade
Se antecipar aos problemas e saber identificar as oportunidades no momento certo são habilidades importantes para qualquer profissão. A Educação Física exige muito dinamismo e proatividade, principalmente entre os profissionais que optam pelas áreas de educação e treinamento esportivo.

Interesse
Assim como em todas as profissões da área da saúde, a Educação Física exige constante atualização. Para se destacar na carreira, é preciso acompanhar os avanços da área, as novas tecnologias e as tendências do mercado. Nesse ponto, os profissionais que demonstram curiosidade e interesse saem na frente.

O que você vai aprender no curso de Educação Física?

Para atuar como profissional de Educação Física, é preciso compreender o funcionamento do corpo humano e sua relação com as atividades físicas. Por isso, o curso possui disciplinas que envolvem ciências biológicas, anatomia, fisiologia, práticas desportivas, didática e psicologia da educação.

Durante a faculdade de Educação Física, você será preparado para promover a saúde e a qualidade de vida, por meio ações que envolvem atividades físicas.

Qual é a diferença entre bacharelado e licenciatura em Educação Física?

O curso superior de educação física possui duas modalidades: licenciatura e bacharelado. O que as difere é a área de atuação dos profissionais formados e a grade curricular.

O curso de licenciatura prepara o profissional para atuar como professor em escolas de educação infantil, ensino fundamental e ensino médio. O licenciado também poderá atuar na área de pesquisas científicas.

O profissional com bacharelado em Educação Física poderá atuar como preparador físico, técnico de esportes, personal trainer, recriador, entre outros.

As duas modalidades do curso têm disciplinas em comum. Porém, a licenciatura possui disciplinas específicas voltadas à docência. Já o bacharelado, que costuma ter a carga horária um pouco maior, tem disciplinas específicas voltadas às demais áreas de atuação.

Áreas de atuação do profissional de Educação Física

O campo de atuação do profissional de educação física é bastante amplo e tem uma grande demanda. Confira as principais áreas nas quais você poderá atuar.

Ensino
Voltado para os profissionais que têm licenciatura, o campo da educação oferece excelentes oportunidades, tanto em empresas privadas quanto no setor público. O profissional poderá atuar em escolas de educação infantil, ensino fundamental e ensino médio.

Condicionamento Físico
A área de condicionamento físico dedica-se ao acompanhamento e orientação de pessoas que desejam praticar exercícios em academias e clubes esportivos. O profissional poderá atuar como personal trainer ou instrutor de academias.

Recreação
O profissional de educação física que atua na área de recreação dedica-se ao entretenimento e lazer de hospedes e turistas em hotéis, clubes, spas, pousadas, acampamentos de férias e navios de cruzeiros.

Esportes
O profissional de educação física também pode especializar-se em uma prática esportiva, como futebol, basquete, boxe, tênis, natação, entre outras. Assim, é possível oferecer treinamento específico em academias e clubes.

Ginástica Laboral
Com o objetivo de tornar o ambiente de trabalho mais saudável, muitas empresas buscam a consultoria de um profissional de educação física para realizar atividades com os colaboradores.

Pesquisa
Recorrendo à pesquisa científica, muitos profissionais de educação física buscam encontrar novas soluções e tecnologias para prevenir, promover e recuperar a saúde por meio de atividades físicas.

O mercado de trabalho da Educação Física

O mercado de trabalho da educação física é bastante amplo e oferece oportunidades no setor público e privado. Para exercer a profissão, é preciso ser formado no curso superior de educação física e ter registro no CREF, Conselho Regional de Educação Física.

Os salários iniciais variam entre R$1000,00 e R$2000,00. Geralmente, os profissionais iniciam a carreira nas áreas de educação, monitoria esportiva e orientação em academias. No auge da carreira, os salários do educador físico podem variar entre R$5000,00 e R$8000,00.

Vai cursar Educação Física? Aproveite para fazer o download do nosso Guia Prático de Organização Financeira para Bancar a Faculdade.