Confira 5 conteúdos de história mais frequentes no ENEM para fazer a revisão a algumas semanas antes das provas e chegar preparado.

Faltam menos de dois meses para o ENEM 2019 e essa é uma boa hora para você começar a revisar os conteúdos estudados durante o ano. Hoje, separamos 5 conteúdos de história, que são frequentes no maior vestibular do Brasil e que têm grandes chances de reaparecer nesse ano. A melhor forma para fazer uma revisão é você pegar suas anotações antigas e ir relembrando o que foi aprendido em sala de aula. E, ah, o mais importante: procure exercícios sobre esses conteúdos e treine! É só assim que o conteúdo é fixado na memória. Vamos lá?

Em primeiro lugar, é importante ressaltar que o ENEM tem um critério próprio para analisar seus candidatos e espera que eles saibam tudo aquilo que é relevante sobre conteúdos gerais, que impactaram ou impactam a sociedade. Nisso, encaixam-se direitos humanos, valorização cultural, movimentos sociais e identidades.

Isso significa que, nas questões de história, é possível identificar padrões daquilo que se espera do aluno. Por isso, treinar é tão importante. Você absorve o ritmo de cobrança da prova e vai se familiarizando.

5. Revoluções Industriais

Um dos temas mais cobrados é relativo às três revoluções industriais que aconteceram na história da humanidade. Não é preciso conhecer apenas as técnicas de produção de cada uma delas, mas também e principalmente a realidade social das pessoas que viveram em tais momentos. O cotidiano, as dificuldades, os conflitos sociais da época.

4. Brasil colônia

O Brasil colônia vai de 1500 a 1822. Pelo extenso tempo de mais de 300 anos é preciso focar em alguns temas na revisão. Aqui, iremos citar três:

– política colonial (a relação de domínio sobre sua colônia, a administração)
– economia colonial (engenho de açúcar, de cana, pecuária, extração das drogas do sertão, do ouro…)
– sociedade colonial (os problemas da sociedade, como genocídio indígena, tráfico negreiro, escravidão, formas de opressão)

3. República Oligárquica

É a época em que o Brasil possuía presidente, mas que apenas uma parte privilegiada da população possuía participação indígena. Esse período vai de 1894 a 1930. A Oligarquia do Café eram extremamente influentes na economia e na política. Nisso, é bom revisar momentos conturbados, como:

– Guerra dos Canudos
– Guerra do Contestado
– Revolta da Vacina
– Revolta da Chibata
– Greves de 1917
– Revoltas Tenentistas

2. Era Vargas

A Era Vargas é um dos temas “queridinhos” do ENEM. Quase sempre aparece. Ela vai de 1930 a 1945. É em um contexto de crise internacional, quando acontece uma Revolução aqui no Brasil – a Revolução de 1930. A partir dela, a República Oligárquica deixa de existir e é iniciada a Era Vargas. Importante que você revise, principalmente, os costumes e como a sociedade se comportava na época.

1. Ditadura Militar

O período mais tenebroso da história brasileira é o mais cobrado no ENEM em todos anos. Ele é compreendido de 1964 a 1985. Importante saber o contexto em que o golpe foi instaurado, a situação socioeconômica da época, quais eram os grupos favoráveis e contrários, os atos institucionais e as diferentes formas de repressão do Estado com o povo. Por fim, recordar das manifestações culturais, como na música, é útil.

Dica: assista a alguns filmes para compreender a Ditadura. Exemplos:

– O Dia que durou 21 anos
– O ano em que meus pais saíram de férias
– Batismo de Sangue
– Pra frente Brasil