A expectativa para garantir um bom desempenho pode deixar muitos estudantes com crises de ansiedade no ENEM.

Você já parou para pensar que a sua mente tem a capacidade de resultar justamente o contrário?

De acordo com pesquisas realizadas pela Organização Mundial de Saúde, mais de 18 milhões de brasileiros possuem algum tipo de transtorno causado pela ansiedade. De fato, essa alarmante estatística apenas comprova a necessidade que temos de nos dedicar a práticas que nos ajudem a relaxar a mente e manter a concentração.

Se você está se preparando para o ENEM, leia as dicas que separamos e ajude a controlar o que pode atrapalhar seu bom desempenho nos estudos. Confira:

Faça exercícios de respiração

Quem já sofreu algum tipo de transtorno de ansiedade sabe que um dos principais sintomas é a falta de ar. Em momentos de crise, isso pode ser intensificado de tal maneira que se torna necessária uma intervenção médica.

Dessa forma, que tal evitar essa situação com algumas técnicas simples de respiração? A mais famosa delas já está no nosso senso comum e, geralmente, a citamos quando queremos acalmar alguém: “respire fundo e conte até três”.

Inspirar lentamente é a base de diversos exercícios para controlar a ansiedade. Em termos fisiológicos, ajuda o organismo a voltar ao seu equilíbrio, visto que – em momentos de crise – inalamos o ar mais rapidamente e de forma mais rasa.

Vale ainda ressaltar que a respiração deve ser realizada a partir do diafragma, ou seja, com movimentações no abdômen, e não no tórax.

Durma cedo no dia anterior

Antes da prova, nada de ficar até altas horas da madrugada revisando o conteúdo! Saiba que dormir mal também está relacionado ao seu nível de ansiedade durante o ENEM.

Por isso, reduza os estímulos durante a noite e vá para cama cedo. Nesse contexto, evite refeições pesadas e muitas horas nas redes sociais antes de dormir, pois sua noite de sono poderá ser prejudicada.

Acredite: com o corpo e a mente descansados, você verá como seu desempenho no exame será melhor.

Alimente-se bem

Em toda sua rotina de estudos, preste atenção nos alimentos que tem consumido. Nos dias anteriores ao exame, a observação deve ser reforçada.

Portanto, tenha uma dieta equilibrada e evite fast food, comida congelada e frituras. Prefira carboidratos complexos e não deixe de comer frutas, verduras e legumes. Assim, você garante os nutrientes que seu corpo precisa para se manter concentrado.

Se a ansiedade bater forte, prepare um suco de maracujá, tome um chá de capim santo ou coma uma salada de alface. Esses alimentos contam com propriedades relaxantes e certamente irão te ajudar a ficar mais calmo.

Por fim, não esqueça de manter-se hidratado: água é essencial para sua qualidade de vida.

Organize bem o tempo para evitar atrasos

Todos os anos, a história se repete: centenas de estudantes protagonizam a série de cenas trágicas que alegram as redes sociais. São os famosos “atrasados do ENEM”, um exemplo típico de quem não consegue organizar bem o seu tempo.

Por isso, verifique com antecedência qual a melhor maneira de chegar ao local da prova e saia de casa adiantado. Assim, será mais fácil driblar contratempos diversos e evitar uma crise de ansiedade minutos antes da prova.

Faça um check-list

Acha muito difícil lembrar de todos os detalhes? Monte um check-list com todos os itens necessários para sua preparação.

Seguindo as nossas dicas, sua ansiedade no ENEM será controlada e, como consequência, seu desempenho potencializado. Boa sorte!